Villaggio Grando Innominabile Lote VIII

R$109,00

País/Região: Água Doce, Santa Catarina – Brasil

Tipo: Tinto

Corpo: Médio

Varietal/Blend: Cabernet Sauvignon, Cabernet Franc, Merlot, Malbec, Marselan, Petit Verdot e Pinot Noir

Teor Alcoólico: 12,9%

Descrição

Vinificação: Fermentação em aço inox e 18 dias de maceração.

Maturação: Amadurecimento em barricas de carvalho francês de três bosques distintos.

Cor: Vermelho rubi intenso e sua borda já indica evolução das safras mais velhas, límpido e brilhante

Aromas: Vinho de aromas agradáveis e intensos, este vinho possui grande complexidade aromática, a alquimia da assemblage entre variedades e safras proporcionam aromas que vão de frutas maduras vermelhas até aromas característicos de amadurecimento em carvalho francês. Deste modo, percebe-se a framboesa, o café, a madeira, o verniz e o couro.

Temperatura Serviço: Servir a 16°C

Características / Harmonização: Vinho seco de tanino rico, porém macio, com o álcool e acidez em perfeito equilíbrio, proporcionando o convite a mais um gole.

Decanter: Pelo menos uma hora.

Particularidades: Innominabile, esta é a única forma de descrever este maior símbolo de uma nova era nos vinhos brasileiros. Innominabile significa algo a que não se pode denominar, e é desta forma que este vinho lhes apresenta esse novo terroir.

Um terroir que nos permitiu fazer um corte de 7 varietais: cabernet franc, cabernet sauvignon, merlot, malbec, pinot noir, petit verdot e marselan, corte de barricas francesas de três bosques distintos e uma guarda para evolução anual de 20% sempre acrescentada nas safras seguintes e um estilo todo francês de se produzir. Assim podemos dizer que dentro dele temos um vinho de 80% sendo de guarda e 20% dele pronto para beber, ou seja um vinho que pode-se beber já ou esperar ele melhorar ainda mais em garrafa.

Altitude 1.300 metros e vinhedos com 21 anos de idade média. Época da colheita nos meses de abril e maio e engarrafado julho 2020. O lote VIII – 2004, 2005, 2006, 2007, 2008, 2009, 2012, 2014 e 2018. Todo ano guarda-se 20% da mistura para agregar nas safras novas. Produção de 6.200 garrafas.

Enólogo Consultor António Saramago – “Os vinhos de António Saramago são muito intencionais. Percebe-se que as convicções não são abaladas por tendências e por modas. Acredita no uso da madeira, na extração, no potencial de vinhos vigorosos e continua a fazê-los. Com orgulho num percurso e numa evolução que faz do seu nome um legado na história do vinho português” – Célia Lourenço, Revista de Vinhos – Portugal.

Informação adicional

Peso 1.5 kg
Dimensões 9 × 9 × 34 cm
1